fbpx

Sign in

fechar
Create an Account

Carrinho de Compras

fechar

ENVIO IMEDIATO ATÉ 48 HORAS | ENVIO GRÁTIS EM COMPRAS SUPERIORES A 45 €

Conselhos de Saúde

Nutrientes e sistema imunitário
Conselhos de Saúde

Quais os alimentos e nutrientes com maior influência no sistema imunitário

“Existe algum alimento e/ ou suplemento que previna o Covid-19?”
“Como posso aumentar a eficácia do meu sistema imunitário?”

Estas são as questões mais frequentes nesta altura controversa com a realidade da pandemia do COVID-19.

E a resposta é a seguinte: “Apesar de à data não existir uma relação entre o consumo de determinados alimentos ou suplementos e o reforço do sistema imunitário [para o tratamento ou prevenção do COVID-19], sabemos que à semelhança de outras funções fisiológicas do organismo, para garantir o normal funcionamento do sistema imunitário, é necessário uma alimentação equilibrada com a presença de diferentes nutrientes (…)” (Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável (PNPAS).

Para que tal aconteça o essencial é seguirmos as boas regras de alimentação saudável:

  • Optar pela variedade e sazonalidade de alimentos (principalmente os hortofrutícolas de época).
  • Limitar a ingestão de alimentos muito calóricos, como doces, gorduras, álcool e refrigerantes.
  • Aumentar o consumo de fibras, presentes nas frutas e vegetais e também nos cereais integrais.
  • Aumentar a frequência da ingestão de peixe.
  • Moderar o consumo de sal e de frituras.
  • Beber pelo menos 1,5 a 2 litros de água por dia.
  • É também fundamental mantermo-nos fisicamente activos.

Mais especificamente e para aumentarmos a eficácia do nosso sistema imunitário de forma a apoiar o organismo de infecções virais, as vitaminas A, C, D, E e os minerais, zinco, ferro, selénio, cobre, e magnésio, são muitíssimo essenciais nesta fase de quarentena.

Aliás, na China, foram utilizadas altas doses de vitamina C administradas de forma intravenosa (100-200 mg / kg / dia) no tratamento do COVID-19 pela Shangai Medical Associated desde 1 de março. Este protocolo terapêutico está a ser agora seguido, pelas equipas médicas da Northwell Health que administram 1,500 mg de vitamina C, de forma intravenosa, três ou quatro vezes ao dia em doentes com COVID-19 .

E onde podemos encontrar estes nutrientes, tão essenciais ao nosso sistema imunitário?

📌 VITAMINA A: Fígado, peixes “gordos”, gema de ovo e hortícolas de cor verde escura ou alaranjada (couves, brócolos, cenoura e abóbora).

📌 VITAMINA C: Frutos (laranja, limão e outros citrinos, kiwi, morangos, papaia, manga, uvas, melão e hortícolas (couve-galega, espinafres, agrião, pimentos vermelhos, brócolos, tomate).

📌 VITAMINA D: (através da exposição solar), óleo de fígado de bacalhau, peixes “gordos”e fígado.

📌 VITAMINA E: Óleos de origem vegetal, frutos gordos e oleaginosas.

📌 ZINCO: Pescado, carnes, gema de ovo e leguminosas (feijão, grão, ervilhas, lentilhas).

📌 FERRO: Carnes, vísceras (fígado e rins), gema de ovo, pescado, leguminosas, frutos gordos (nozes) e hortícolas de cor verdura.

📌 SELÉNIO: Pescado (crustáceos), carne, gema de ovo, hortícolas (cebola, tomate, brócolos,alho), cereais e derivados pouco refinados.

📌 COBRE: Cereais e derivados pouco refinados, cogumelos, pescado (crustáceos e moluscos) e leguminosas secas.

📌 MAGNÉSIO: Cereais e derivados pouco refinados, leguminosas, castanhas, frutos gordos e frutos frescos (banana e figo).

A título de conclusão, a alimentação saudável e equilibrada nunca foi tão importante nas nossas vidas, com esta nova realidade presente mundialmente!

Se conseguirmos cumprir as regras de alimentação saudável, mantendo uma alimentação saudável e regrada, não esquecendo a lavagem frequente das mãos e o isolamento social, estaremos mais protegidos desta pandemia que nos assombra !

Mantenham-se seguros e saudáveis!

Adriana Sales, Nutricionista

Scroll To Top
Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no nosso site. Ao navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.