Insónias e a alimentação
Conselhos de Saúde

Insónias e alimentação , qual a relação?

INSÓNIAS E ALIMENTAÇÃO, QUAL A RELAÇÃO?

As insónias surgem atualmente como um distúrbio que afeta grande parte da população!

Insónias, como resolver? Existem evidências que realçam a importância de melhores hábitos alimentares como ferramenta essencial na função do sono. Vamos então falar sobre este tema.

Sabe-se, portanto, que os alimentos possuem nutrientes indispensáveis na redução dos níveis de hormonas ligadas ao stress que tanto dificulta a tranquilidade noturna. Um desses nutrientes é o triptofano, um aminoácido essencial não produzido pelo organismo, e por isso apenas obtido através da alimentação.

O triptofano é muito importante no tratamento da depressão e do stress. É responsável pela melhoria de humor, conferindo a sensação de bem-estar. O triptofano favorece ainda a produção de melatonina, a hormona reguladora do sono. E ainda atua também na produção de serotonina, que auxilia na diminuição da ansiedade, regulando o humor, a sensação de fome e o sono.

É importante incluir alimentos ricos em triptofano na alimentação diária. São exemplos o mel, os frutos oleaginosos, a aveia, os alimentos ricos em proteína (carne, peixe, ovo), o leite e derivados, o abacate, entre outros. Estes alimentos irão ajudar a manter os níveis de serotonina em quantidades adequadas, traduzindo-se em benefícios para a saúde e combatendo os agentes promotores de distúrbios do sono.

Há que ter cuidado com os alimentos que apesar de serem ricos em triptofano, têm efeito estimulante, como é o caso do chocolate que possuí cafeína.

Portanto, em casos de perturbação do sono são de evitar alimentos ricos em gorduras saturadas, açúcares refinados e bebidas alcoólicas pois apesar de inicialmente permitirem uma aparente sensação de prazer, rapidamente esta é substituída pela ansiedade.

Existem pequenos lanches considerados bons aliados no momento antes de dormir, tais como:

  • Frutos oleaginosos (caju, amêndoa, avelã, noz, …)
  • Aveia
  • Abacate
  • Banana
  • Leite
  • Iogurte natural
  • Queijo fresco
  • Infusão de camomila/ tília/ cidreira/ lúcia-lima

Estes são os alimentos que devem evitar para prevenir as insónias:

Para uma boa saúde física e mental uma alimentação equilibrada e saudável é imprescindível! Eis alguns alimentos que contribuem para lhe tirar o sono:

  • Carnes gordas
  • Café
  • Chá verde
  • Chocolate
  • Álcool
  • Fast food

 

Marisa Legrante

Nutricionista

Nº Cédula 4013N

 

 

E os suplementos alimentares, ajudam em caso de insónias?

Existem suplementos cuja composição podem ajudar a reduzir o sono e a promover um sono mais tranquilo.  Um exemplo é o Arkosono Forte 8 horas.

 

Suplementos insónias

Suplemento alimentar para combater a insónia

 

Arkosono® Forte 8H é um suplemento alimentar à base de Melatonina (1,9mg), Extratos de plantas e Vitamina B6.

Arkosono® Forte 8H assegura um efeito ao longo de uma noite completa graças à sua fórmula inovadora de elevada concentração: em melatonina de libertação rápida e prolongada durante 8 horas e extratos de plantas reconhecidas pelas suas propriedades relaxantes e adjuvantes do sono.
Os Laboratórios Arkopharma desenvolveram Arkosono® Forte 8H, o 1º produto à base de ingredientes naturais que ajudam no sono e apoiado nos princípios da cronobiologia, fornecendo melatonina em dupla libertação, rápida e prolongada.
Arkosono® Forte 8H, graças à tecnologia do comprimido dupla-camada consegue:
• Fornecer a dose óptima de melatonina em libertação rápida (1mg) e em libertação prolongada (0,9mg) para uma noite completa desde o deitar ao acordar.
• A elevada concentração em plantas reconhecidas pelas suas propriedades relaxantes e promotoras do sono (Passiflora e Valeriana), e presentes na camada de libertação rápida e Papoila da Califórnia, presenta na camada de libertação prolongada, que contribui para diminuir os despertares noturnos.
Este produto é bem tolerado não causando habituação nem sonolência ao despertar.

 

Related Posts